E-book Contos Fetiche: Histórias Deliciosamente Reais

Um beijo roubado…foi o início de tudo. Como desistir… como resistir!

Tudo conspirava a nosso favor. Ela sentada a meu lado… troca de olhares, insinuações, provocações. Talvez a maior de todas até agora e aquela tanguinha verde que  insistia em dizer que precisava esconder por detrás de sua blusa.

Não resisti… num ato impensado, levei minhas mãos contra suas coxas, com um leve toque, tive a certeza que nada mais existia de barreiras entre nós.

Trocamos poucas palavras e olhares, através deles e, juntos, decidimos que aquele motel  seria a única testemunha daquele momento que tinha tudo para ser mágico e maravilhoso.

Quando entramos no motel, sentia que conspirava a nosso favor.

Trouxe-a em meus braços e completei aquele beijo que havia roubado algum tempo antes.

Ela sempre maravilhosa, cúmplice , correspondendo a todos os meus carinhos e estímulos.Logo, comecei a ouvir leves sussurros e senti o toque de suas mãos em minha direção.

Seus cabelos lisos e macios se entrelaçava entre minhas mãos…

Beijos molhados… minha língua não sabia por onde passar mais, pois tudo era delicioso e delicado.

Cheirosa, sedenta, olhar tímido, boca seca em alguns momentos, que eu insistia em molhar com meus lábios. Ardentes de desejo por ela.

Em um movimento rápido, ela tirou sua blusa e seu sutiã, com volúpia puxou meu rosto contra seus seios. Pude tocar e acariciar com minha boca. Já não me controlava mais.

Fui descendo meus lábios em seu corpo e iniciei uma demorada chupada entre suas pernas. Passando minha língua em cada canto e espaço dos seus deliciosos lábios vaginais.

Ela delirava e se contorcia ,em alguns momentos .Ela virou de bruços e pude lamber e beijar entre suas coxas , sendo que, a cada toque ela respondia com palavras de prazer e sedução.

Mulher maravilhosa!

Depois de algum tempo ela relaxou de prazer em minha boca. Continuei beijando seu corpo, abracei-a. Passei minhas mãos, diversas vezes, naquele corpo maravilhoso. Parecia um sonho que se realizava.

Coloquei-a numa posição de quatro, na borda da cama. Comecei a passar meu membro, já molhado,devido a explosão de desejo que havia acabado de acontecer, na entrada do seu sexo.

Mesmo assim iniciei uma massagem com a ponta dele, naquele clitóris. Latejava e escorria sua seiva deliciosa… naquele momento,de modo que, transbordava em minha boca.

Mudei de posição e fui ao seu lado na cama.Segurou com firmeza meu membro e iniciou uma massagem que viria a me deixar mais louco, do que já se encontrava naquele momento.

Tive o prazer de colocá-lo em sua boca, com muito carinho mas movimentos frenéticos.Explodi de prazer dentro daquela boca macia e sensual.

Durante algum tempo ela se manteve de bruços e pude acariciar e passar minhas mãos em todas as suas delicadas curvas.

Que sensação maravilhosa!Ela, simplesmente, era muito mais do que eu esperava.

O que dizer de tudo isso?

Como esquecer um momento especial ao lado de alguém que soube trocar seus desejos comigo.

Conto erótico enviado pelo seguidor Carlos A.

Gostou deste texto? Fique à vontade para comentar!
Visite também nossa página no FACEBOOK e nos acompanhe no INSTAGRAM.
Convidamos você a fazer parte de nossa Lista de Transmissão e receber diariamente dicas e novidades de nossa Loja Virtual. Entre em contato conosco pelo número: (11) 94392-4247  para ser adicionado em nossa Lista Vip.
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.
COMPARTILHAR
Artigo anterior Quando eu dormir…
Próximo artigoPrazer em te observar
Contos Fetiche é um site de Contos Eróticos que reúne histórias reais de pessoas com mente aberta e que curtem compartilhar suas experiências de maneira despretensiosa. Todos os textos aqui publicados são contos enviados por nossos seguidores ou então adaptados por um de nossos editores.