E-book Contos Fetiche: Histórias Deliciosamente Reais

Aconteceu há seis meses, quando fui buscar minha esposa na festa da empresa.

A casa onde rolava a festa era de um amigo meu, de forma que, ao chegar, fui recebido por ele. Aproveitei para entrar e tomar uma cerveja.

Entramos pelo salão de festa. Cerca de umas 40 pessoas dançavam.De cara ,bati os olhos em uma mulher linda, para falar a verdade deliciosa. Tinha seios grandes, cinturinha fina e estava vestida com um vestido vermelho colado no corpo.Não devia ter mais do que 1,70 metros de altura.

Mulher extremamente sensual, rosto de felina ,dançava de uma forma que, em poucos segundos, me deixou excitado.

Sem notar meu interesse pela mulher estonteante, meu amigo disse que iria buscar as cervejas e me deixou ali.Hipnotizado por ela!

Ela percebeu. Tanto que, eu não tirava os olhos dela… começou a dançar mais provocante e sorrir com cara de safada, pra mim.Aquilo me deixou com o mastro duro na hora.

Meu amigo chegou com as cervejas e eu tentei disfarçar. Sentamos em uma mesinha, de modo que eu fiquei de frente pra ela (uns metros nos separavam) e meu amigo de costas para a mulher.

Minha esposa me localizou e percebi que ela estava resolvendo assuntos do trabalho ao telefone.Ela veio falar comigo. Disse que ia se despedir das amigas para irmos embora.Disse que não havia pressa, ficaria tomando umas cervejas com meu amigo.

Ela pareceu aliviada com o que eu falei, saiu para o final do salão. Sentou em um sofá e voltou a conversar no telefone.Para meu alívio.

Minutos depois, vejo a  mulher afastar-se do grupo e ir em direção ao banheiro. Uma ideia, completamente, louca dominava minha cabeça: ir atrás dela. Sabia do absurdo que iria fazer, mas eu estava, totalmente, alucinado de tesão por ela.

Disse a meu amigo que iria ao banheiro e fui atrás da beldade.O banheiro ficava atrás do salão, de modo que não era possível, para quem estava no salão, ver o banheiro.Havia um corredor que levava até lá.

Ela olhou para trás e viu que eu estava ali. Sorriu maliciosamente e entrou no banheiro, sem fechar a porta.

Eu fiquei na porta e ela falou: “pode entrar, vou retocar a maquiagem”.Assenti com a cabeça. Ela me olhava pelo espelho.Eu estava desconcertado.De repente ela fala: “Que bom que gostou da minha roupa”. E riu. Dizendo isso, virou-se pra mim.

Não resisti . Agarrei ela, ali mesmo. Beijava-a, ardentemente e percorria seu corpinho com minha mãos. Não falamos nada.

Fui descendo minha boca por seu corpo ate chegar nos seios.Abri o zíper do seu vestido e vislumbrei a nudez daqueles seios maravilhosos. Chupava-os, lambia-os e mordiscava seus mamilos, fazendo gemer baixinho. Continuei descendo e passei a língua no corpo.

Uma calcinha vermelha minúscula escondia um sexo ensopado. Toquei meus lábios no tecido daquela calcinha e notei o quanto ela estava encharcada. Aquilo me deixou ainda mais louco. Arranquei sua calcinha e meti a língua dentro do seu sexo. Comecei a chupar com muito tesão e ela gemia muito.

Percebi que ela ia gozar rapidamente e, assim que aconteceu,levantei e a prensei contra a parede.Abaixei minha calça, tirei minha vara pra fora que estava em ponto de bala. Fui, por trás, penetrando naquele sexo molhadinho.

Ela gemia de um jeito que me deixava ensandecido e comecei a meter com força. Socando sem parar.Em poucos segundos notei que ia gozar e tirei ele de dentro dela e virei ela de frente e pedi: “Ajoelha na minha frente, que eu vou gozar em cima de você.

Ela obedecia rindo e, masturbou meu mastro, quando levou um jato de gozo quentinho no rosto, fechando os olhos.

Numa rapidez descomunal, nos vestimos e voltamos para a festa.

Não tivemos outro encontro, apesar de ter sido maravilhoso.

Considerei que, o escondido era gostoso , apenas uma única vez…mais do que isso,era arriscar.

Fonte:Conto erótico enviado por uma seguidora anônima.

Gostou deste texto? Fique à vontade para comentar!
Visite também nossa página no FACEBOOK e nos acompanhe no INSTAGRAM.
Convidamos você a fazer parte de nossa Lista de Transmissão e receber diariamente dicas e novidades de nossa Loja Virtual. Entre em contato conosco pelo número: (11) 94392-4247  para ser adicionado em nossa Lista Vip.
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.
COMPARTILHAR
Artigo anteriorQuatro da manhã
Próximo artigoDepois do happy hour
Contos Fetiche é um site de Contos Eróticos que reúne histórias reais de pessoas com mente aberta e que curtem compartilhar suas experiências de maneira despretensiosa. Todos os textos aqui publicados são contos enviados por nossos seguidores ou então adaptados por um de nossos editores.