E-book Contos Fetiche: Histórias Deliciosamente Reais

Eu sempre fui uma moça safadinha, daquelas que os homens olham e já sabem o que eu estou querendo.

Certo dia estava em um bar com amigos quando chegam vários rapazes fortes e suados. Aqueles homens realmente chamaram a atenção de todos que ali estavam. Minhas amigas ficaram me cutucando e falando sobre um ou outro que já tinham ficado… E meus olhos viajando naqueles corpos lindos e sarados! Mas apenas um em especial me chamou atenção: um careca com cara de sábado. Encaramos-nos por um bom tempo, mas não passou disso.

Desde esse dia não conseguia tirá-lo da cabeça. Sabia que iria ficar com ele, mas não sabia ainda como… Precisava de um plano, pois nem o nome eu tinha ideia. Então o destino deu um jeitinho para que isto acontecesse…

Alguns dias passaram e o dono deste bar postou uma foto de nossa mesa em uma rede social, assim como postou a foto da mesa dele. Este fato foi o suficiente para o que eu precisava para ir atrás daquele homem gostoso.

Achei o perfil dele e comecei a segui-lo. Na descrição tinha o seu número de celular. Descobri que era personal trainer e na mesma hora entrei em contato. No começo ele foi muito profissional em nossa conversa. Como tinha uma academia, pediu para que eu o visitasse e fosse conhecer o espaço.

Como estava com muito tesão, fui ao mesmo dia. Assim que ele me viu, deu um sorriso daqueles (que não esqueço nunca) e mandou-me entrar. Nem sabia direito o que fazer, mas fui para que ele soubesse o quanto estava querendo ele para mim… Estava evidente! Ele sabia sim! Só pelo jeito que me olhava…

No outro dia acordo com uma mensagem dele agradecendo por ter ido ao treino. Vibrei! Senti que ele tinha me dado uma abertura e logo respondi. Iniciamos uma deliciosa conversa que durou a tarde inteira e só terminou com uma visita dele na minha casa. Opa! Quer dizer, na frente da minha casa.

Quando ele parou o carro, minhas pernas tremiam. Achava que seria um pouco mais difícil, mas entrei muito nervosa no carro. Minha respiração estava ofegante. Ao fechar a porta, ele não deixou nem eu falar direito…

Apenas um “oi” e já foi puxando meu cabelo. Eu me arrepio só de me lembrar daquele beijo louco e aquelas mãos enormes naquele passeio de “vai e vem” no meu corpo. Estava completamente molhada de tesão!

No calor daquele momento, baixei a bermuda dele e fiz um sexo oral caprichado. Ele gemia muito! Seu membro latejava em minha boca. Então ele me mandou abaixar minha roupa. Fiquei meio sem graça, pois estava em frente de casa e todo mundo lá dentro.

Não resisti muito porque ele puxou meu cabelo e sussurrou no meu ouvido: “Ou você tira ou eu arranco!” Suspirei de prazer e acabei tirando… Ele colocou aquele membro grosso para fora, me posicionou de quatro no banco e me penetrou. Foi uma verdadeira loucura! Como eu estava muito molhada de tesão, cheguei a gozar umas três vezes só com a penetração.

Quando ele estava perto do gozo, mandou-me abrir a boca para engolir tudo. Fiz com o maior prazer! Ainda queria mais, só que ele tinha treino a seguir. Gostamos tanto desta noite que de vez em quando nos pegamos para matar a saudade.

E eu… Sim, continuei a ir aos treinos na academia dele.

Autoria: Conto Erótico enviado pela nossa seguidora Van B.

Gostou deste texto? Fique à vontade para comentar!
Visite também nossa página no FACEBOOK e nos acompanhe no INSTAGRAM.
Convidamos você a fazer parte de nossa Lista de Transmissão e receber diariamente dicas e novidades de nossa Loja Virtual. Entre em contato conosco pelo número: (11) 94392-4247  para ser adicionado em nossa Lista Vip.
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.
COMPARTILHAR
Artigo anteriorDentro do caminhão – Conto Erótico
Próximo artigoO Policial – Conto Erótico
Contos Fetiche é um site de Contos Eróticos que reúne histórias reais de pessoas com mente aberta e que curtem compartilhar suas experiências de maneira despretensiosa. Todos os textos aqui publicados são contos enviados por nossos seguidores ou então adaptados por um de nossos editores.